3 Principais áreas para controles de segurança

Por:
A Equipe NetDocuments
Setembro 27, 2019

Hoje, as empresas devem ter redes que sejam simultaneamente seguras e porosas para envolver parceiros de negócios e incorporar serviços nas organizações dos clientes.

A questão é: como os líderes de tecnologia podem proteger o fluxo de informações sem restringir o trabalho e quais são os controles necessários para diminuir as ameaças que são inevitáveis no mundo conectado de hoje?

A primeira etapa na construção de alguns controles é entender a origem das ameaças. A pesquisa sobre como as falhas de segurança acontecem está mostrando que a fonte esmagadora dos problemas são os humanos. O acesso torna-se então uma questão chave na criação de protocolos de segurança para permitir o acesso apenas a fontes verificadas.

UMA inquérito por ALM determinou que as três principais ameaças à segurança cibernética são:

  1. Hacking
  2. Erros do funcionário
  3. Erros de terceiros

Sabendo disso, a base dos controles de segurança terá a ver com quem pode acessar o sistema e como eles podem obter permissão para ações.

3 Principais áreas para controles de segurança

Criptografia

A criptografia é uma medida de segurança usada com frequência e está crescendo em importância e complexidade. Normalmente, quando você pensa em criptografia, ele se refere a um bloqueio de chave em um determinado conjunto de dados.

Agora, para segurança máxima, é importante ter vários níveis de criptografia com diferentes pontos de acesso. Mais chaves significam mais proteção e menos vulnerabilidade para as informações em seu sistema.

A abordagem da criptografia é mais profunda do que um modelo único para todos. Essa maneira de pensar de vários níveis também deve levar você a se aprofundar no entendimento da importância dos parceiros e fornecedores na criptografia de seus próprios dados.

Diretrizes de Boas Práticas

Como os humanos apresentam o maior potencial de problemas, não é bom o suficiente para criar medidas de segurança fortes de seu departamento de tecnologia. Você precisa educar sua equipe sobre as práticas recomendadas.

Um 2017 relatório da Verizon descobriu que 81% das violações relacionadas a hackers foram de senhas roubadas e reutilizadas. Ao implementar as seguintes diretrizes, você pode evitar erros humanos evitáveis:

Módulo de segurança de hardware: A criptografia é excelente, mas só funciona se não houver acesso às chaves. Um módulo de segurança de hardware é basicamente um cofre - uma combinação de software e hardware - que armazena suas chaves de maneira segura. O HSM minimiza a capacidade de indivíduos acessarem aquelas chaves que não deveriam tocá-las, mas ainda permite que as chaves estejam disponíveis quando precisarem ser usadas para serviços de criptografia.

Proteção contra vírus, malware, ransomware: Parte das melhores práticas é garantir que todos os sistemas estejam atualizados com as proteções mais recentes para ameaças potenciais. O NetDocuments fornece essas atualizações gratuitamente a todos os seus clientes por meio de seu modelo de conformidade como serviço.

Autenticação de usuário multinível: Certifique-se de que seus usuários verifiquem quem so ao acessar o sistema. Isso ajuda a garantir que as pessoas certas acessem os dados certos e impede o acesso fácil para hackers.

Teste regular: A segurança é um processo, não um destino. Parte de suas melhores práticas consistirá em testes e avaliações contínuas de ameaças. Não trabalhe em uma auditoria única e sente-se e relaxe. Construa testes em seu processo contínuo. Caso contrário, você estará esperando por problemas e só reagindo depois que algo der errado.

Separação de deveres: Outra prática recomendada é garantir que haja responsabilidade em todos os níveis. Nunca deixe uma pessoa ter acesso sem outra pessoa que seja capaz de ver o que está acontecendo. Separar funções significa manter as pessoas sob controle e ter visibilidade de cada pessoa que acessa as informações.

Certificações e atestados de conformidade

Uma maneira simples de pensar sobre os controles de segurança é usar padrões para orientar seus esforços.

São amplamente aplicáveis padrões industriais, fornecido por ISO que pode ser usado para garantir que um nível mínimo de controle foi estabelecido. Esses padrões fornecem um nível geral de confiança, sabendo que você passou por uma lista de verificação especificada.

Outros exemplos de certificações são fornecidos pelo governo dos EUA, como o Auditoria FedRamp. Essas auditorias não abrangem ou garantem que você está livre de ameaças. No entanto, eles fornecem uma orientação útil de que você pode ter confiança nas práticas de sua equipe e apontar vulnerabilidades ao longo do caminho.

Por exemplo, o NetDocuments passa por auditorias anuais Tipo 2 SOC 2 para segurança e disponibilidade e auditorias anuais de certificação ISO 27001. O escopo da certificação ISO 27001 inclui todos os data centers usados pela NetDocuments. A auditoria SOC inclui os principais provedores de serviços contratados pela NetDocuments.

Além dessas auditorias anuais, a NetDocuments analisa ativamente os requisitos de segurança aplicáveis da indústria, bem como os regulamentos de segurança locais, estaduais e nacionais para determinar os esforços de conformidade apropriados. A NetDocuments modifica e expande regularmente seus controles de segurança para manter os mais altos níveis de segurança para dados de clientes em todo o mundo, cumprindo com os padrões e regulamentos apropriados.

Ao usar o NetDocuments como seu DMS, você herda esses níveis de segurança, sabendo que está cumprindo os regulamentos importantes.

O que fazer agora

A segurança é um processo contínuo e precisa ser proativa em vez de reativa. Como empresa, você não pode se dar ao luxo de comprometer os dados, portanto, os controles de segurança são essenciais.

Para começar, analise esta postagem e, em seguida, submeta sua empresa a algumas das auditorias padronizadas para garantir que você atinja o nível básico. Isso deve lhe dar uma medida de onde você está.

Depois de passar nas certificações, implemente as diretrizes de práticas recomendadas listadas nesta postagem para orientar sua equipe e dar confiança na segurança.

Para aprofundar essas estratégias, confira este webinar sobre Segurança da Informação em um Mundo Inseguro.

Want a Demo? Request one today!

Postagens recentes